sábado, 20 de junho de 2009

A falta de valores




A indignação do lutador de boxe tailandês, franco-argelino Dida Difat, pela desatenção dos vereadores na câmara, na última segunda feira, leva-nos a uma reflexão: Quem presta atenção quando alguém está ao microfone? O excelentíssimo, vereador João Dib que já foi prefeito de Porto Alegre alega que não prestou atenção no discurso do lutador pois ele não estava vestido corretamente. A onde vamos chegar com esse tipo de discurso e com políticos que simplesmente não estão nem aí para pessoas? Simplesmente sentem-se os melhores ao encher a boca para falar bobagens, votar bobagens, e a única preocupação é se o salário deles vai aumentar.



Difat foi falar do seu projeto para tirar crianças da marginalidade, já que teve uma infância difícil, hoje ele se dedica a isto, ele alega que o esporte é uma alternativa para que crianças carentes não se envolvam com a marginalidade. Acredito que qualquer pessoa com bom senso sabe que essa alternativa juntamente com a educação é a saída para as nossas crianças não ficarem jogadas ao léo. Mas para os nossos políticos o ideal é que elas não aprendam nada para crescerem analfabetas, mas com capacidade suficiente para tirar o título de eleitor e nas eleições trocar seu voto por uma cesta básica ou por uma promessa de mamar como ele nas tetas do governo, pois é TÃO FÁCIL NÉ?



Sei que o que falo é um assunto batido, mas faço questão de repetir e de perguntar a todos, repito pessoas de bom senso, a onde vamos parar com esses políticos mau educados e que perderam completamente a noção quando entraram para a política. Não posso acreditar que a maioria nunca teve boa índole, por isso que podemos constatar que o ser humano está doente e que o futuro nos assusta.


Gabriele Lorscheiter